CUIABÁ

Câmara assina termo de cooperação para implantação do sistema Renalegis

Publicados

em


Walfredo Rafael/Secom Câmara

O documento foi assinado na tarde desta quarta-feira (20).
A ferramenta possibilitará que o comércio acompanhe as matérias relativas ao setor que tramitam no Legislativo cuiabano.
A Câmara Municipal de Cuiabá assinou na tarde desta segunda-feira, 20 de setembro, o termo de cooperação técnica para implementação do sistema Rede Nacional de Assessorias Legislativas (Renalegis). O documento foi assinado pelo presidente da Casa, vereador Juca do Guaraná Filho (MDB), e pelo presidente da Federação do Comércio de Bens, Serviços e Turismo do Estado de Mato Grosso (Fecomércio/MT), José Wenceslau de Souza.
A ferramenta foi desenvolvida pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), com o intuito de monitorar a tramitação de projetos de interesse das categorias do setor nas Casas Legislativas.
Segundo o presidente da Fecomércio, o legislativo cuiabano é o primeiro do Estado a aderir ao sistema, que deve começar a funcionar a partir de outubro.
“O Renalegis é um sistema que nos auxilia no acompanhamento de projetos tanto no Senado, na Câmara Federal e nas Assembleias Legislativas de todo o Brasil, e a partir de agora na Câmara de Cuiabá. O nosso objetivo é ajudar nos Projetos de Lei que tramitam nessas Casas”, disse.
O presidente da Casa destacou a importância do acompanhamento que será feito pelo setor nas matérias legislativas.
“É algo que vem a contribuir com os vereadores para que nós possamos continuar com uma gestão transparente e poder legislar em prol do povo cuiabano”, afirmou Juca.
Também estiveram presentes no encontro o secretário de Gestão Administrativa, Edilson de Carvalho, o chefe de gabinete, Eliezer Junior Fernandes, e a assessora jurídica da Fecomércio, Fabiola Corrêa.

Secom Câmara

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  DEM prioriza Mauro; evita fechar vice e mira 4 na AL e 2 na Câmara Federal
Propaganda

CUIABÁ

Com comidas regionais e artesanatos, projeto “Festa na Praça” é lançado na Alencastro

Publicados

em


Luiz Alves

Clique para ampliar

“Me sinto valorizada em participar deste projeto”, afirma a artesã Helena Bastos Monge. Para ela, a ação da Prefeitura de Cuiabá, Serviço Social do Comércio- Sesc/Fecomércio e Rádio Conti, fomenta o potencial dos empreendedores. A inicitiva com a ação ‘Festa na Praça’ é uma importante estratégia de valorização do artesanato e gastronomia local. A primeira edição do evento foi lançada na tarde de quarta-feira (27) e contou com expressiva aprovação popular. 

De acordo com o secretário municipal de Turismo, Oscarlino Alves, o principal objetivo é trazer o “Bulixu”, que é a feira de culinária e artesanato que acontece no Sesc Arsenal nas noites de quinta para as praças da capital. Ele destaca que este projeto foi uma iniciativa da gestão Emanuel Pinheiro que busca valorizar os artistas locais e fomentar o turismo e apresentada para a diretoria do Sesc que apoiou o projeto “Festa na Praça”.

“Pensamos em um projeto popular para atrair a população para os espaços públicos, com dois conceitos. A praça Alencastro que é um local de transição, onde passam diariamente os trabalhadores, estudantes e no Jardim das Américas, englobando os moradores dos bairros. O turismo foi um dos setores mais afetados pela pandemia e a gestão tem pensado muito em todos os trabalhadores”, pontua.

Leia Também:  Câmara realiza segundo dia de palestras na "Semana da Saúde"

Para o secretário municipal de Governo, Luís Cláudio Sodré, essa parceria em trazer a cuiabania para as praças é um trabalhado de valorização desde o inicio da gestão Emanuel Pinheiro. “O projeto será levado para outras praças da cidade, dando a oportunidade de fomentar em todas as regiões de Cuiabá a cultura Cuiabana, exposto no artesanato, na música, na gastronomia”, explica.

Segundo o diretor Regional do Sesc/Senac, Carlos Rissoto, este projeto vem sendo desenhando como uma forma de agregar a população e levar esta cultura cuiabana para o centro da cidade e para os bairros.

“Um projeto que vai movimentar a sociedade, vai atrair as pessoas para as praças, mostrando a gastronomia cuiabana e o acolhimento popular que é típico da nossa sociedade. Este é um projeto piloto em parceria com a Prefeitura de Cuiabá que tem tudo pra dar certo”, ressalta.

A artesã Malu Jara esta iniciativa em realizar um projeto que valoriza os microempreendedores é de grande valor. “Isso nos motiva ainda mais a continuar desenvolvendo nosso trabalho, pois sabemos que teremos outros lugares onde nós iremos expor nosso trabalho, isso é um reconhecimento gigantesco”, finaliza.

Leia Também:  Etapa de fundação é superada e ponte na comunidade do Batec deve ser entregue no fim deste ano

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA