ESPORTES

Arana projeta boa estreia do Atlético-MG contra o Fla no Brasileirão

Publicados

em


.

Após a vitória por 3 a 0 sobre o América e a conquista da vaga na final do Campeonato Mineiro na noite de ontem (5), o Atlético volta todas as suas atenções para a estreia no Campeonato Brasileiro. O primeiro confronto não é nada fácil, a equipe pega o Flamengo, domingo, às 16h (horário de Brasília), no Maracanã.

Mesmo enfrentando o atual campeão brasileiro e da Libertadores, o Atlético quer sair do Rio de Janeiro com os três pontos. Para o lateral-esquerdo Guilherme Arana, o Galo precisa manter a pegada do estadual para começar a Série A bem.

“O pensamento é o mesmo. Claro que Estadual é um campeonato de mata-mata e o Brasileiro é de pontos corridos, mas o pensamento é o mesmo, o trabalho é o mesmo, a intensidade nos treinos é a mesma e temos que manter essa conduta jogo após jogo. Já estamos pensando no Flamengo. Ontem, estávamos pensando no América. O dever foi cumprido e chegamos à final. Agora vamos mudar o chip e pensar no Flamengo para fazer um grande jogo”, disse em entrevista coletiva na Cidade do Galo.

A partida contra o Flamengo é cercada de expectativa. O Rubro-Negro é o grande favorito para levantar o caneco novamente. Por outro lado, o Atlético fez muitas contratações, renovou a equipe e deposita esperança no técnico Jorge Sampaoli. Mesmo com menos tempo de entrosamento que o adversário de domingo, Guilherme Arana acredita no resultado positivo.

Leia Também:  Benfica marca apresentação de Jorge Jesus em busca de dias melhores

“A gente já tá trabalhando há um bom tempo, a gente já sabe há um bom tempo que a estreia seria contra o Flamengo. A gente tem que jogar do jeito que a gente em jogando. A gente sabe a forma que o nosso professor quer que a gente jogue. Temos que ir lá, fazer nosso papel, dar nosso máximo e sair com a vitória. Claro que o Flamengo é uma grande equipe, porém no nosso time chegou bastante gente, jogadores de qualidade, estamos nos sentindo cada vez melhores. É ir lá, fazer um bom jogo e, se Deus quiser, sair com um resultado bom”.

Arana é um lateral-esquerdo conhecido por subir muito ao ataque. Enfrentar Rafinha, Éverton Ribeiro e Gabigol, que gostam de atuar pelo lado direito ofensivo, poderia prender um pouco mais o jogador do Galo? Ele responde.

“São jogadores de muita qualidade, todos nós conhecemos, mas meu jogo é defender e também chegar ao ataque. Tenho que fazer meu jogo que é defender bem, chegar na frente bem e é isso que eu vou fazer”.

A torcida atleticana acredita em uma ótima temporada do Galo em 2020 e, quem sabe, o título brasileiro. Guilherme Arana enumera as principais características da equipe que fazem o torcedor ficar mais confiante.

Leia Também:  De volta ao comando da CBHb, dirigente concede entrevista exclusiva

“É um grupo muito forte. Temos um treinador muito capacitado, uma comissão muito capacitada também. Estamos treinando há um bom tempo e com a volta dos jogos a primeira impressão foi muito boa, por ter ficado um bom tempo sem jogar. Jogo após jogos vamos nos aperfeiçoando cada vez mais. O ponto forte do Atlético é que é um time, teoricamente, jovem, com muita velocidade e muita disposição. Quando perde a bola a gente tem que ter a mesma mentalidade de atacar, todos com vontade de pegar a bola de novo para chegar ao gol do adversário, essa é a nossa qualidade”.

O Atlético se reapresentou nesta quinta-feira (6) pela manhã para um treino regenerativo após a vitória por 3 a 0 sobre o América, na semifinal do Estadual. A curiosidade da partida contra o Flamengo é que, pela primeira vez em 2020, o Galo vai enfrentar uma equipe da série A do Brasil. Os tradicionais rivais estaduais América e Cruzeiro estão na série B. Pela Copa do Brasil, o Galo foi eliminado na segunda fase pelo Afogados (PE). Na Copa Sul-Americana, ainda pela primeira fase, o Atlético não passou pelo Unión Santa Fe, da Argentina.

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

ESPORTES

Criciúma e São José abrem rodada da Série C em Santa Catarina

Publicados

em


.

Criciúma e São José-RS fazem na noite de hoje (25) o primeiro jogo da oitava rodada da Série C do Campeonato Brasileiro nesta sexta-feira (25). As duas equipes estão em declínio na competição e precisam reagir para se manter na cola do G4. O jogo será no estádio Heriberto Hülse, em Criciúma (SC), às 20h (horário de Brasília). Os donos da casa estão na quinta posição, com nove pontos. Já os visitantes têm oito e ocupam a sétima colocação.

Sem vitórias nos últimos jogos do campeonato – dois empates e uma derrota – a equipe catarinense tem motivos para acreditar no êxito esta noite. no Majestoso. O Tigre, comandado, pelo técnico Roberto Cavalo, permanece invicto em casa: dos nove pontos somados na Série C, sete foram obtidos como time mandante. Entretanto, o primeiro revés sofrido pelo Criciúma aconteceu na última rodada, quando foi derrotado pelo Ypiranga por 2 a 0, em Erechim (RS).

 Assim como o Tigre, o adversário São José-RS também vem se mostrando um clube caseiro, com duas vitórias, até o momento, como mandante. O time gaúcho vive ainda uma seca de vitórias na Série C: nas últimas quatro partidas, foram dois empates e duas derrotas. Na rodada passada, o São José-RS perdeu fora de casa para o Londrina por 1 a 0.

Para vencer esta noite, o Zeca terá de melhorar a pontaria. A equipe comandada pelo treinador Éverton Vanoni tem o pior ataque do Grupo C, ao lado São Bento-SP, com quatro gols marcados.

Leia Também:  Com covid, João Gomes Júnior deixa Missão Europa do COB

Jogos do fim de semana

Amanhã (26) serão mais três jogos pela oitava rodada. Pelo Grupo A, o Imperatriz-MA busca a primeira vitória na competição. O adversário dos maranhenses será o Ferroviário-CE no estádio Frei Epifânio, na cidade de Imperatriz (MA), às 17h. Na sequência, às 19h, o Botafogo-PB entra em campo contra o Paysandu no Almeidão, na capital João Pessoa (PB). Pelo Grupo B, o lanterna Boa Esporte visita o vice-lanterna São Bento-SP, no estádio Walter Ribeiro, na cidade Sorocaba (SP), às 16h.

A bola continua rolando no domingo (27). Pelo Grupo B, o Volta Redonda recebe o líder Brusque em casa, às 15h, no estádio Luso-Brasileiro, no Rio de Janeiro (RJ). Logo depois, às 15h30, o Ypiranga encara o Ituano, no Colosso da Lagoa, em Erechim (RS). E no estádio Almeidão, no município de Tombos (MG), o Tombense encara o Londrina, às 16h. No Grupo A, às 18h,  Remo e Manaus medem forças no Mangueirão, em Belém (PA).

A rodada só termina na segunda-feira (28). O Santa Cruz, líder do Grupo A, enfrenta o Jacuipense no estádio do Arruda, na capital Recife (PE), às 20h.

Leia Também:  De volta ao comando da CBHb, dirigente concede entrevista exclusiva

Edição: Cláudia Soares Rodrigues

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA