MATO GROSSO

Governador em exercício destaca papel facilitador do Governo de MT: investidores têm segurança jurídica

Publicados

em


O governador em exercício Otaviano Pivetta e a ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina, participaram nesta quinta-feira (28.10) da inauguração da maior usina de etanol 100% de milho do País, a FS Bioenergia, localizada em Sorriso.

Durante a solenidade, que contou com a presença de diversas autoridades políticas, Pivetta destacou o papel facilitador do Governo de Mato Grosso para atrair investidores e afirmou que a instalação dessas indústrias no Estado vem sendo possível graças ao trabalho da atual administração para desburocratizar o ambiente de negócios.

“Se esse milho que será processado aqui fosse embora in natura, o retorno seria muito baixo. Esse processo de agregação de valor, de verticalização, é o que nós sempre defendemos. Mato Grosso tem essa vocação e o Governo desenvolveu uma política de atração de investimentos na agroindústria para manter o recurso dentro do Estado, gerando emprego, renda e distribuindo para toda a sociedade. Os investidores agora têm segurança jurídica”, afirmou o governador em exercício.

A ministra Tereza Cristina frisou a responsabilidade do agronegócio mato-grossense na sustentação da economia brasileira e salientou a presença do governador Mauro Mendes na Conferência das Nações Unidas sobre Mudanças Climáticas (COP26) “levando para fora do País o conhecimento do que é que está sendo realizado aqui em Mato Grosso para que todo o País consiga avançar. Incentivar o mercado privado é um dos grandes desafios que nós temos. Mato Grosso está propondo esta mudança e eu acredito que é assim que nós vamos chegar lá”.

Leia Também:  Governo de Goiás quer que detento pague aluguel de tornozeleira eletrônica

Participaram da inauguração o presidente em exercício da Assembleia Legislativa de Mato Grosso, Dilmar Dal’Bosco, o deputado estadual Xuxu Dal Molin, o senador Wellington Fagundes, o presidente da Famato, Normando Corral, o deputado federal Neri Geller, os prefeitos de Sorriso, Ari Lafin, de Primavera do Leste, Leonardo Bortolin, e o ex-prefeito de Lucas do Rio Verde, Marino Franz.

Com investimento de cerca de R$ 2 bilhões, a usina de etanol 100% de milho instalada em Sorriso gerou mais de 4 mil empregos indiretos durante as fases de obras e hoje emprega 231 pessoas diretamente. A capacidade total de produção da unidade é de 880 milhões de litros de etanol por ano; 212 mil toneladas de farelo de milho; 28 mil toneladas de óleo de milho e 190 mil MWh por ano de cogeração de energia.

A FS é a primeira usina de etanol do Brasil que utiliza milho em 100% da produção. Hoje, com duas unidades, em Lucas do Rio Verde e Sorriso, a empresa já é a maior produtora de etanol de milho do País, com capacidade para 1,4 bilhão de litros por ano. Além do etanol, a empresa possui tecnologia para fabricação de produtos para nutrição animal, conhecidos pela sigla DDG, óleo de milho e bioeletricidade.

Leia Também:  PM homenageia 50 personalidades civis e militares com medalha "Macaúba"
Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Governador: “Se com logística desfavorável, MT chegou onde chegou, imagina agora com os fortes investimentos do Governo”

Publicados

em


Durante o fórum “Mato Grosso Um Gigante do Brasil”, o governador Mauro Mendes falou das perspectivas do estado para os próximos anos e afirmou que os investimentos do Governo de Mato Grosso tem alavancado o setor econômico e social.

A abertura do fórum ocorreu na noite de sexta-feira (26.11) e contou com a presença do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, além de políticos mato-grossenses e empresários de todo o país.

“Hoje o Estado tem um relevante papel no agronegócio brasileiro. Mas podemos crescer muito mais. Nos próximos 10 anos a demanda mundial de alimentos vai crescer em torno de 20%. Só o brasil pode crescer isso em produção. E dentro do Brasil, só Mato Grosso tem capacidade para dobrar sua produção”, relatou.

A exigência global pela compra de produtos com origem sustentável foi destacada pelo governador, ao mencionar que Mato Grosso tem uma das metas mais ousadas de redução de carbono, que é a de neutralizar as emissões até 2035.

Leia Também:  Governo paga salários dos servidores estaduais nesta sexta-feira (30)

“Quando eu falo que Mato Grosso pode dobrar sua produção, considero essa exigência do mercado internacional pela sustentabilidade. A ampla maioria dos produtores já tem ciência disso e respeita a legislação. E mais: hoje nosso estado pode expandir muito a produção sem precisar de desmate ilegal”, afirmou.

Outro fator que tem tornado a economia mato-grossense mais competitiva, conforme Mauro Mendes, é a melhoria da logística, que ocorre por meio dos fortes investimentos do Governo do Estado por meio do programa Mais MT.

“Vamos terminar 2022 com mais de 2500 km de asfalto novo, em todas as regiões. Milhares de pontes de concreto e de aduelas substituindo balsas e pontes precárias de madeira. Asfalto restaurado são outros milhares de km. E também autorizamos a Ferrovia Estadual, outro marco inédito no país”.

“Ao longo das décadas conseguimos construir, mesmo longe dos portos, o agronegócio mais competitivo do mundo. Superamos essa dificuldade. Se com logística desfavorável, Mato Grosso chegou onde chegou, imagina agora com esses fortes investimentos do Governo”, destacou.

Leia Também:  Empaer promove 1º Encontro da Agricultura Familiar em Alto Paraguai

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, endossou a fala e afirmou que Mato Grosso tem dado exemplo de competitividade econômica.

“Quando eu vejo o governador falar do que foi feito em Mato Grosso, tenho certeza que os frutos serão colhidos no futuro em termos de produtividade, em avanço para a população. O Mato Grosso na sua importância agroindustrial é um exemplo para o Brasil”, pontuou.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA