MATO GROSSO

Seplag abre prazo para regularização do recadastramento anual 2021

Publicados

em


A Secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag-MT) informa que abriu, nesta sexta-feira (14), o prazo para a regularização do recadastramento anual e obrigatório dos servidores e empregados públicos ativos do Estado de Mato Grosso referente ao ano de 2021.

Dos 79.613 servidores aptos a realizarem o recadastramento, 2.541 (3,19%) ainda não iniciaram ou não concluíram o processo, que visa corrigir, atualizar e ampliar os dados cadastrais de natureza pessoal e funcional, com foco na verificação do efetivo exercício, eficiência, transparência e moralidade da administração pública. 

A regularização do recadastramento será realizada em duas etapas. A primeira seguirá o mesmo método adotado anteriormente, ou seja, deverá ser realizada no site da Seplag-MT e o acesso ao sistema efetuado com o mesmo usuário e senha utilizados no Portal do Servidor. O procedimento também poderá ser feito pelo celular. Na segunda etapa será necessário apresentar requerimento formal contendo justificativa do não cumprimento regular da obrigação (veja mais informações abaixo).

Vale lembrar que o servidor que se regularizar até a data de fechamento da folha de pagamento de janeiro, próxima quarta-feira (19), receberá o salário em janeiro. O servidor que não regularizar o recadastramento até o novo prazo final, 28 de fevereiro, terá o salário suspenso até a efetiva regularização e estará sujeito a Processo Administrativo Disciplinar (PAD) para apuração dos fatos, conforme a IN n° 11/2021/SEPLAG.

Leia Também:  Prazo para contestar auxílio emergencial negado termina no dia 24

O recadastramento é obrigatório para os servidores ativos ocupantes de cargos públicos efetivos civis, os exclusivamente comissionados, os requisitados, cedidos, permutados, afastados ou licenciados, os militares, empregados públicos e contratados temporários.

Regularização

Além de regularizar o recadastramento no site da Seplag-MT, o servidor deverá apresentar requerimento formal contendo a justificativa do não cumprimento regular da obrigação, acompanhado dos seguintes documentos:

I – Comprovante da conclusão da atualização cadastral extemporânea;

II – Comprovação de frequência referente aos três meses anteriores ao protocolo do requerimento mediante:

  1. Folha de frequência devidamente assinada pela chefia imediata, caso utilize sistema de registro de frequência;
  2. Atestado de frequência e documentos comprobatórios, emitida pela unidade setorial de gestão de pessoas, caso não utilize sistema de registro de frequência;
  3. Publicação do afastamento no Diário Oficial, se for o caso.

Toda essa documentação deverá ser encaminhada digitalizada à Seplag mediante abertura de processo administrativo no SIGADOC ou pelo e-mail: [email protected]

Faça AQUI a sua regularização do recadastramento. Confira AQUI a íntegra da IN n° 11/2021/SEPLAG, que regulamenta o recadastramento de 2021.

Leia Também:  Pandemia vai durar até novembro porque "população escolheu"

Outras informações devem ser obtidas diretamente com a unidade setorial de Gestão de Pessoas do servidor ou empregado público ou pelo telefone (65) 3613-3796, da Coordenadoria de Monitoramento de Pessoal da Seplag.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Seduc vai chamar aprovados no processo seletivo por ordem de classificação

Publicados

em


Os profissionais aprovados no Processo Seletivo Simplificado (PSS), da Secretaria Estadual de Educação (Seduc), deverão aguardar o contato das Diretorias Regionais de Educação (DREs) para agendamento das reuniões online, conforme ordem de classificação decrescente em cada polo.

As reuniões devem começar nesta quarta-feira (26.01) para orientar sobre as vagas existentes no polo. Em seguida, se for de interesse do candidato lecionar na escola que tiver a vaga, será feita a atribuição do contrato a ser emitido a partir de fevereiro. O contato será no e-mail ou telefone. O resultado final do seletivo foi divulgado no dia 20 de janeiro pelo Instituto Selecon.

A lista com o resultado está dividida pelos polos das Diretorias Regionais de Educação (DREs) de Alta Floresta, Barra do Garças, Confresa, Cuiabá, Cáceres, Diamantino, Juara, Juína, Matupá, Pontes e Lacerda, Primavera do Leste, Rondonópolis, Sinop, São Félix do Araguaia e Tangará da Serra.

O objetivo do processo seletivo é a escolha por ordem de classificação decrescente de professor, técnico administrativo educacional (TAE) e apoio administrativo educacional (AEE) para contratação temporária em demandas que não são caracterizadas como vagas de concurso, tais como aulas residuais e licença médica, para substituir servidores efetivos que, anualmente, são designados para funções como diretor, coordenador, secretário e assessor pedagógico na rede escolar.

Leia Também:  Sinfra e AMM discutem critérios para inclusão dos municípios em projeto de pavimentação urbana

Os profissionais admitidos irão desempenhar funções em carga horária de 30 horas semanais e contarão com salários de R$ 1.422,39 a R$ 4.436,54 ao mês. Cerca de 40 mil profissionais da educação se inscreveram no processo seletivo. A prova foi realizada em dezembro de 2021. 

Outras Informações nas Diretorias Regional de Educação:

Alta Floresta – 66 3521-1647 ou 3521 4093

Barra do Garças – 66 3401 – 7551 ou 3401 7945

Cáceres – 65 3223 7537 ou 3223 4542

Confresa – 66 3564 1176 ou 3564 1436

Cuiabá – 65 3637 1037 ou 3622 4094

Diamantino – 65 3336 1815

Juína – 66 3566 3048 ou 3566 3395 1039

Matupá – 66 3595 1128 ou 3595 2110

Pontes e Lacerda – 65 3266-4513

Primavera do Leste – 66-3498 7404

Querência – 66 3529 1763

Rondonópolis – 66 3423 2395

Sinop – 66 3531 7959 ou 3531 7023

Tangará da Serra – 65 3326-9318 ou 3326 7814

Leia Também:  Sema apresenta balanço anual da gestão de Recursos Hídricos nesta terça-feira (14)

Várzea Grande – 65 3692 6110 ou 3682 9846

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA