MATO GROSSO

Setasc promove Encontro de Vigilância Socioassistencial para gestores e técnicos municipais

Publicados

em


A Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc), por meio da Secretaria Adjunta de Assistência Social (Saas), realizou nesta terça e quarta (23 e 24.11) o 1° Encontro de Vigilância Socioassistencial: Orientações Técnicas para Elaboração do Plano de Assistência Social. O evento, realizado no Hotel Fazenda Mato Grosso, contou com a participação de 325 inscritos entre gestores e técnicos da Assistência Social de 131 municípios do Estado.

O encontro teve como tema central “O Processo de Elaboração do Plano de Assistência Social”.

De acordo com a NOB/SUAS, aprovada pela Resolução nº 33, de 12 de dezembro de 2012, do Conselho Nacional de Assistência Social (CNAS), o Plano de Assistência Social, previsto pela Lei Orgânica da Assistência Social (LOAS), é um instrumento de planejamento estratégico que organiza, regula e norteia a execução da Política de Assistência Social nas três esferas de governo.

Alinhado ao Plano Plurianual (PPA), a gestão municipal do Sistema Único de Assistência Social (SUAS), tem a responsabilidade de elaborar seus respectivos Planos Municipais de Assistência Social (PMAS) para a vigência de 2022 a 2025, observando as suas prioridades, as deliberações das conferências municipais de Assistência Social e as metas nacionais e estaduais pactuadas.

Leia Também:  Setasc e Energisa esclarecem dúvidas sobre Tarifa Social de Energia

Nesse sentido, a elaboração do Plano de Assistência Social compete ao órgão gestor da Política de Assistência Social no município, Estado ou Distrito Federal, que deverá submeter o texto final à apreciação e aprovação do respectivo Conselho de Assistência Social.

De acordo com Leicy Vitório, secretária adjunta de Assistência Social,  a Setasc promove esta capacitação como forma de referendar a indução à prática do planejamento e atualizações normativas no cotidiano da gestão do SUAS. “Instituindo a cultura do planejamento com base no conhecimento e estudo da realidade do município, permitindo o monitoramento e avaliação das ações, a fim de garantir a manutenção da qualidade dos serviços ofertados aos usuários da Política de Assistência Social”, pontuou.

Para Becchara Rodrigues Miranda, coordenador Geral de Gestão Descentralizada e Participação Social da Secretaria Nacional de Assistência Social – SNAS/Ministério da Cidadania, um evento como esse é muito importante e mostra como o Estado de Mato Grosso está comprometido com a população.

“É um momento muito rico e de muita troca. Vi de uma forma muito clara a importância da equipe estadual diante desse apoio técnico, desta relação do Estado com os municípios. Estou muito realizado por essa experiência, representando o Governo Federal e poder dialogar com o Governo de Mato Grosso e os seus municípios aqui presente”, afirmou. 

Leia Também:  Museu de Arte Sacra de MT abre inscrições para curso sobre educação patrimonial

O representante de São Félix do Araguaia, Junio de Souza, declarou que esse encontro possibilita o entendimento em como fazer o planejamento de um Plano de Assistência Social que possa atender as necessidades do município. “Estamos vendo na prática a efetivação do projeto que a Setasc nos enviou anteriormente para a aprovação deste encontro, e agora estamos vendo ela na prática. A Setasc está de parabéns por este evento”, concluiu. 

Para a assistente social de Chapada dos Guimarães, Monize Rodrigues Miranda, o 1º Encontro Estadual da Vigilância Socioassistencial foi de suma importância no sentido de proporcionar momentos de aprendizado e sobretudo fortalecer o compromisso a fim de solidificar as ações de proteção e promoção social por meio das políticas públicas garantidoras de direitos, neste caso, através do planejamento. Além de estreitar a relação entre o Estado e os municípios.

“O que também me chamou a atenção foi a dinâmica da oficina proposta, pois proporcionou debates enriquecedores e a apreensão prática das estratégias para elaboração do plano. O município de Chapada dos Guimarães agradece a oportunidade e parabeniza toda a equipe da Setasc”, declarou.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Governador: “Se com logística desfavorável, MT chegou onde chegou, imagina agora com os fortes investimentos do Governo”

Publicados

em


Durante o fórum “Mato Grosso Um Gigante do Brasil”, o governador Mauro Mendes falou das perspectivas do estado para os próximos anos e afirmou que os investimentos do Governo de Mato Grosso tem alavancado o setor econômico e social.

A abertura do fórum ocorreu na noite de sexta-feira (26.11) e contou com a presença do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, além de políticos mato-grossenses e empresários de todo o país.

“Hoje o Estado tem um relevante papel no agronegócio brasileiro. Mas podemos crescer muito mais. Nos próximos 10 anos a demanda mundial de alimentos vai crescer em torno de 20%. Só o brasil pode crescer isso em produção. E dentro do Brasil, só Mato Grosso tem capacidade para dobrar sua produção”, relatou.

A exigência global pela compra de produtos com origem sustentável foi destacada pelo governador, ao mencionar que Mato Grosso tem uma das metas mais ousadas de redução de carbono, que é a de neutralizar as emissões até 2035.

Leia Também:  ONU promove série de debates sobre mudanças climáticas no Brasil

“Quando eu falo que Mato Grosso pode dobrar sua produção, considero essa exigência do mercado internacional pela sustentabilidade. A ampla maioria dos produtores já tem ciência disso e respeita a legislação. E mais: hoje nosso estado pode expandir muito a produção sem precisar de desmate ilegal”, afirmou.

Outro fator que tem tornado a economia mato-grossense mais competitiva, conforme Mauro Mendes, é a melhoria da logística, que ocorre por meio dos fortes investimentos do Governo do Estado por meio do programa Mais MT.

“Vamos terminar 2022 com mais de 2500 km de asfalto novo, em todas as regiões. Milhares de pontes de concreto e de aduelas substituindo balsas e pontes precárias de madeira. Asfalto restaurado são outros milhares de km. E também autorizamos a Ferrovia Estadual, outro marco inédito no país”.

“Ao longo das décadas conseguimos construir, mesmo longe dos portos, o agronegócio mais competitivo do mundo. Superamos essa dificuldade. Se com logística desfavorável, Mato Grosso chegou onde chegou, imagina agora com esses fortes investimentos do Governo”, destacou.

Leia Também:  Governador descarta lockdown e encaminha projeto para a AL com novas medidas

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, endossou a fala e afirmou que Mato Grosso tem dado exemplo de competitividade econômica.

“Quando eu vejo o governador falar do que foi feito em Mato Grosso, tenho certeza que os frutos serão colhidos no futuro em termos de produtividade, em avanço para a população. O Mato Grosso na sua importância agroindustrial é um exemplo para o Brasil”, pontuou.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA