MATO GROSSO

Sine Estadual divulga mais de 2,5 mil vagas de emprego nesta semana em todo o Estado

Publicados

em


Zelador, auxiliar administrativo e fotógrafo são algumas das oportunidades de emprego divulgadas nesta semana pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine-MT), órgão vinculado à Secretaria de Estado de Assistência Social e Cidadania (Setasc). Na Capital e no interior, ao todo, estão disponíveis 2.528 vagas de emprego.

Os interessados devem procurar a unidade mais próxima, dentre os 31 postos do Sine instalados em 28 municípios de Mato Grosso, com os documentos pessoais e comprovante de residência.

No município de Sinop (a 477 km de Cuiabá) estão disponíveis 408 oportunidades, como: oficial de serviços gerais na manutenção de edificações, soldador, vendedor de consórcio, professor de inglês, consultor de vendar, almoxarife, atendente de telemarketing, auxiliar de linha de produção e eletricista. Para carpinteiro e servente de obras são 56 e 55 vagas, respectivamente.

Em Sorriso (a 416 km de Cuiabá) são 220 vagas de emprego nas áreas de copeiro, monitor infantil, recepcionista de hotel, instalador de sistemas eletroeletrônicos de segurança, conferente de logística, maquiador e jardineiro. Somente para auxiliar de laboratório de análises físico-químicas são 30 oportunidades. 

Leia Também:  Atividades da Comissão de Revisão Territorial são retomadas nesta terça-feirta

Outro município em destaque é Primavera do Leste (a 235 km da Cuiabá) com 170 vagas disponibilizadas, dentre elas: lavador de veículos, garçom, conferente de carga e descarga, auxiliar técnico de montagem, atendente de farmácia, desenhista industrial gráfico (designer gráfico) e motorista de ônibus urbano. 

Já em Pontes e Lacerda (a 443 km de Cuiabá) são 126 oportunidades nas áreas de acabador de mármore e granito, instalador de painéis, empregado doméstico nos serviços gerais, office-boy, tosador, porteiro, auxiliar administrativo e zelador.

Para o público em geral que mora em Cuiabá e Várzea Grande as 305 vagas disponibilizadas são para: operador de betoneira, gerente operacional, copeiro de restaurante, ajudante de obras, encanador, gesseiro, fotógrafo, leiturista (profissional que faz a leitura do consumo de energia e água), padeiro, técnico em eletromecânica e técnico em segurança do trabalho.

Já para auxiliar de estoque estão disponíveis 37 oportunidades. Para as pessoas com deficiência (PCD) estão distribuídas 30 vagas entre auxiliar de logística, atendente de lojas, estoquista, ajudante de carga e descarga de mercadoria, lavador de ônibus, manobrador, entre outros.

Leia Também:  WhatsApp deixa de funcionar em celulares antigos nesta segunda

Os municípios como Rondonópolis, Sapezal, Lucas do Rio Verde, Aripuanã e Campo Verde somam 675 oportunidades nesta semana. 

De acordo com a coordenadora do Sine MT, Simone Koehler, os atendentes do Sine estão preparamos para orientar os trabalhadores durante o atendimento no processo de colocação ou recolocação no mercado de trabalho. “A finalidade do órgão promover essa intermediação de trabalhadores com empregadores, por isso, é de extrema importância manter os dados atualizados junto ao SINE”, conclui. 

Atendimento

Além do trabalho de intermediação de mão-de-obra, o Sine realiza serviço de habilitação do seguro desemprego, orientação para emissão de carteira de trabalho e previdência social. É preciso verificar na unidade a disponibilidade das vagas, que são ofertadas diariamente.

Os interessados podem comparecer aos postos de atendimento, portando documentos pessoais e comprovante de residência, facilitando os trâmites do atendimento. Procure os postos mais próximos de sua residência.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

MATO GROSSO

Governador: “Se com logística desfavorável, MT chegou onde chegou, imagina agora com os fortes investimentos do Governo”

Publicados

em


Durante o fórum “Mato Grosso Um Gigante do Brasil”, o governador Mauro Mendes falou das perspectivas do estado para os próximos anos e afirmou que os investimentos do Governo de Mato Grosso tem alavancado o setor econômico e social.

A abertura do fórum ocorreu na noite de sexta-feira (26.11) e contou com a presença do presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, do presidente nacional do PSD, Gilberto Kassab, além de políticos mato-grossenses e empresários de todo o país.

“Hoje o Estado tem um relevante papel no agronegócio brasileiro. Mas podemos crescer muito mais. Nos próximos 10 anos a demanda mundial de alimentos vai crescer em torno de 20%. Só o brasil pode crescer isso em produção. E dentro do Brasil, só Mato Grosso tem capacidade para dobrar sua produção”, relatou.

A exigência global pela compra de produtos com origem sustentável foi destacada pelo governador, ao mencionar que Mato Grosso tem uma das metas mais ousadas de redução de carbono, que é a de neutralizar as emissões até 2035.

Leia Também:  Quinta-feira (25): Mato Grosso registra 552.095 casos e 13.993 óbitos por Covid-19

“Quando eu falo que Mato Grosso pode dobrar sua produção, considero essa exigência do mercado internacional pela sustentabilidade. A ampla maioria dos produtores já tem ciência disso e respeita a legislação. E mais: hoje nosso estado pode expandir muito a produção sem precisar de desmate ilegal”, afirmou.

Outro fator que tem tornado a economia mato-grossense mais competitiva, conforme Mauro Mendes, é a melhoria da logística, que ocorre por meio dos fortes investimentos do Governo do Estado por meio do programa Mais MT.

“Vamos terminar 2022 com mais de 2500 km de asfalto novo, em todas as regiões. Milhares de pontes de concreto e de aduelas substituindo balsas e pontes precárias de madeira. Asfalto restaurado são outros milhares de km. E também autorizamos a Ferrovia Estadual, outro marco inédito no país”.

“Ao longo das décadas conseguimos construir, mesmo longe dos portos, o agronegócio mais competitivo do mundo. Superamos essa dificuldade. Se com logística desfavorável, Mato Grosso chegou onde chegou, imagina agora com esses fortes investimentos do Governo”, destacou.

Leia Também:  "Estado teve a ousadia de fazer a infraestrutura continuar crescendo", diz secretário do Ministério da Infraestrutura

O presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, endossou a fala e afirmou que Mato Grosso tem dado exemplo de competitividade econômica.

“Quando eu vejo o governador falar do que foi feito em Mato Grosso, tenho certeza que os frutos serão colhidos no futuro em termos de produtividade, em avanço para a população. O Mato Grosso na sua importância agroindustrial é um exemplo para o Brasil”, pontuou.

Fonte: GOV MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA