POLICIAL

Criança não resiste e morre 3 dias após acidente em MT

Publicados

em

 

O menino de 8 anos, que estava internado na UTI Pediátrica do Hospital Regional de Alta Floresta (789 km de Cuiabá), após grave acidente registrado no último domingo (01), na MT-208, entre Alta Floresta e Nova Monte Verde não resistiu aos ferimentos e morreu na manhã desta quarta-feira (4). Na ocasião, a mãe da criança, que era enfermeira e uma técnica de enfermagem que estavam no carro, também morreram.

De acordo com a Polícia Civil, as vítimas estavam em um carro que saiu da pista, capotou e caiu em uma ribanceira. O menino foi socorrido com vida e encaminhado ao hospital, onde chegou a passar por cirurgia nos braços, pernas e fígado. Sua mãe, a enfermeira Márcia Regina Maciel Bezerra, de 49 anos, além da técnica de enfermagem Claudete Catarina Polachini, de 58 anos, faleceram ainda no local do acidente.

Testemunhas disseram que o veículo estava passando pela rodovia quando começou a andar em zigue-zague. Logo em seguida, a motorista perdeu o controle da direção, foi para o lado direito da pista e capotou, caindo na ribanceira.

Leia Também:  PGE arrecada brinquedos e livros para campanha do Dia das Crianças

Um caminhoneiro seguia atrás e parou para prestar socorro. Ele encontrou a criança chorando e foi socorrido por uma ambulância que passava pelo local. O Corpo de Bombeiros de Alta Floresta foi chamado para retirar o corpo de uma das vítimas que ficou preso às ferragens.

Fonte: Folha Max

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Polícia Civil recupera R$ 30 mil subtraídos de vítima durante compra de gado

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação da Polícia Civil realizada em parceria entre a 1ª Delegacia de Polícia de Ribeirão Cascalheira (900 km a leste de Cuiabá) e Delegacia Especializada de Repressão a Crimes (DRCI) Informáticos resultou na recuperação de R$ 30 mil, subtraídos de uma vítima na negociação de cabeças de gado que não foram entregues após o pagamento.

A ocorrência foi registrada na quinta-feira (16.09), quando a vítima procurou a Ribeirão Cascalheira relatando que foi procurado por uma pessoa que lhe ofereceu cabeças de gado. Após ver os animais, a vítima concordou com a compra e efetuou pagamentos em três contas diferentes. Depois dos pagamentos efetuados, o suspeito não atendeu mais a vítima.

Diante das informações, rapidamente a equipe da Delegacia de Ribeirão Cascalheira acionou a DRCI que com base nas informações passadas pela vítima conseguiu recuperar parte do valor subtraído da vítima, com o bloqueio de R$ 30 mil transferido para uma das contas.

As investigações seguem em andamento para identificar os envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT
Leia Também:  "Rambo" morre em queda de bicicleta e choca cidade no nortão de MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA