POLICIAL

Mulher que administrava pontos de droga do marido é presa junto com a mãe, com R$ 45 mil

Publicados

em


Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Duas mulheres foram presas em flagrante nesta quinta-feira (04.03), em Rondonópolis, durante uma investigação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos para apurar a venda de entorpecentes, armazenamento das drogas e recolhimento do dinheiro proveniente da atividade criminosa. Durante o cumprimento dos mandados de buscas nos endereços investigados, as equipes da DERF apreenderam R$ 45 mil, além de celulares e outros pertences dos criminosos.

Investigação da delegacia especializada apurou que nos endereços alvos, no bairro Jardim Ipanema, funcionavam pontos de apoio e um escritório do tráfico de drogas liderados pela suspeita P.M.K., de 25 anos, onde era administrado o recolhimento do dinheiro da venda de entorpecentes de bocas de fumo dos bairros da região da Vila Salmen.

A mulher deu continuidade à administração do tráfico de drogas depois que o marido, W.H.L.R, foi preso pela mesma atividade criminosa.

Conforme informações apuradas pela equipe da DERF, a mulher ficou responsável por recolher o dinheiro das biqueiras e armazená-lo na casa da mãe dela, que também usufruiu dos rendimentos do tráfico.

Leia Também:  Polícia Civil prende nove integrantes de associação criminosa envolvida em roubo e adulteração de carga

Dona de um comércio, ela utilizava a atividade para organizar a logística dos pontos de venda de drogas, fornecendo embalagens e balanças de precisão. Os mandados de buscas foram cumpridos nas residências das duas mulheres, mãe e filha, e no comércio.

Na casa da suspeita foi apreendida, em meio aos brinquedos do filho dela, de quatro anos, porção de maconha. Os policiais aprenderam ainda o dinheiro em notas miúdas e máquina de cartão, celulares e anotações sobre o tráfico e embalagens plásticas utilizadas para embalar droga.

Na residência da mãe da suspeita, K.R.M., de 38 anos, foi apreendida mais outra quantia em dinheiro em dois cômodos. Indagada sobre os valores encontrados, ela disse que era da filha.

As evidências encontradas reforçam que a família usufrui do dinheiro vindo da atividade ilícita, pois o padrão dos móveis e eletroeletrônicos da casa estão bem acima da renda familiar. Foram apreendidas na casa da mãe dela uma TV de 58 polegadas, diversas joias e uma motocicleta utilizada para recolher do dinheiro do tráfico.

Leia Também:  Procurado pela Justiça por roubo qualificado, homem de 25 anos é localizado pela Polícia Civil

No comércio da suspeita foram localizados e apreendidos mais dinheiro, balança de precisão com resquícios de droga, diversas embalagens e outras anotações do tráfico.

A suspeita P.M.K. é monitorada por tornozeleira eletrônica e deixava o equipamento descarregar para recolher o dinheiro e abastecer os pontos de vendas de entorpecentes.

Mãe e filha foram encaminhadas à delegacia, autuadas em flagrante por tráfico e associação para o tráfico e depois apresentadas em audiência de custódia da Justiça.

O material apreendido passará por análise e perícia.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Suspeito de estuprar e agredir vítima por mais de 10 horas é preso em flagrante pela Polícia Civil em Sorriso

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá) prendeu em flagrante neste sábado (17.04), um homem apontado como autor de crime de estupro e cárcere privado ocorrido durante a madrugada no município. O suspeito, de 21 anos, é vizinho da vítima e a manteve refém por quase 12 horas enquanto praticava os abusos e agressões.

As diligências iniciaram após a vítima, de 25 anos, comparecer à Delegacia de Sorriso, visivelmente abalada e com vários hematomas pelo corpo para comunicar o crime. A comunicação ocorreu logo após ser libertada pelo agressor. Segundo as informações, o suspeito pulou o muro da sua casa por volta de meia noite e meia,  e em posse de uma faca a ameaçou, agrediu fisicamente e obrigou a vítima a manter relações sexuais no período em que permaneceu dentro da residência.

Além do abuso sexual, a vítima foi agredida com socos, tapas e mordidas, a todo tempo sendo ameaçada com a faca. O suspeito ainda filmou a vítima e disse que publicaria os vídeos nas redes sociais, caso fosse denunciado.

Leia Também:  NOTA DE FALECIMENTO

O suspeito manteve a vítima em cárcere até 11 horas deste sábado (17), momento em que ela conseguiu convencê-lo de que não iria o denunciar e que deveria liberá-la.

 Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Delegacia de Sorriso, coordenada pelo delegado José Getúlio Daniel iniciou as diligências em buscas do suspeito, conseguindo realizar sua prisão em flagrante.  O suspeito foi flagrando com a motocicleta da vítima no estacionamento de um supermercado da cidade.

Ele foi conduzido à Delegacia de sorriso e após ser interrogado foi autuado em flagrante pelo crime de estupro.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA