POLICIAL

Polícia Civil prende foragido do Tocantins com dois mandados em abertos

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Um procurado da Justiça do Tocantis há cerca de 5 anos, foi preso pela Polícia Civil de Mato Grosso, na manhã desta terça-feira (14.09), em Confresa (1.160 km a nordeste de Cuiabá), após ação da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos (Derf) do município.

O suspeito de 39 anos, estava com dois mandados de prisão decretados desde o ano de 2016, pelos crimes de furto e receptação cometido no norte do Brasil. Ele também é investigado pela Derf de Confresa por praticar delitos da mesma natureza.

Durante diligências investigativas para esclarecer ocorrências envolvendo crimes patrimoniais, os policiais civis descobriram que o investigado era foragido da Justiça do Tocantins.

Diante das informações apuradas a equipe conseguiu localizar o suspeito, o qual ao ser abordado negou que possuía passagens criminais. No entanto, o homem foi conduzido até a Derf de Confresa, onde foi dado cumprimento as ordens judiciais de prisão.

Conforme o delegado da Derf de Confresa, Bruno Gomes Borges, foragido do Tocantins desde o ano de 2016, a suspeito veio para Mato Grosso e aproveitando-se da liberdade, continuou praticando crimes de furto em Confresa.

Leia Também:  Mulher agride funcionários em central de vacinação, em VG

O preso foi interrogado no inquérito instaurado acerca dos furtos ocorridos na cidade de Confresa, sendo posteriormente encaminhado para a Cadeia Pública de Vila Rica, ficando à disposição do Poder Judiciário.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Polícia Civil recupera R$ 30 mil subtraídos de vítima durante compra de gado

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

Uma ação da Polícia Civil realizada em parceria entre a 1ª Delegacia de Polícia de Ribeirão Cascalheira (900 km a leste de Cuiabá) e Delegacia Especializada de Repressão a Crimes (DRCI) Informáticos resultou na recuperação de R$ 30 mil, subtraídos de uma vítima na negociação de cabeças de gado que não foram entregues após o pagamento.

A ocorrência foi registrada na quinta-feira (16.09), quando a vítima procurou a Ribeirão Cascalheira relatando que foi procurado por uma pessoa que lhe ofereceu cabeças de gado. Após ver os animais, a vítima concordou com a compra e efetuou pagamentos em três contas diferentes. Depois dos pagamentos efetuados, o suspeito não atendeu mais a vítima.

Diante das informações, rapidamente a equipe da Delegacia de Ribeirão Cascalheira acionou a DRCI que com base nas informações passadas pela vítima conseguiu recuperar parte do valor subtraído da vítima, com o bloqueio de R$ 30 mil transferido para uma das contas.

As investigações seguem em andamento para identificar os envolvidos no crime.

Fonte: PJC MT
Leia Também:  RJ: Três homens são baleados após confronto com a polícia em São Gonçalo

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA