POLICIAL

Polícia Civil realiza “aulão solidário” voltado para carreiras policiais em Barra do Garças

Publicados

em

 

Um “aulão solidário” de iniciativa da Delegacia Regional de Barra do Garças (509 km a Leste Cuiabá, com objetivo de auxiliar candidatos a vagas de carreiras policiais do concurso promovido pelo Governo do Estado de Mato Grosso, será realizado no sábado (22.11), no município.

Ao todo foram abertas 200 vagas, tendo como valor simbólico da inscrição um quilo de alimento não perecível, que serão doados às famílias carentes e instituições filantrópicas de Barra do Garças.

Com início às 08 horas e término previsto para as 18 horas, o “aulão” será transmitido ao vivo pelas redes sociais (Instagram, YouTube e Facebook), de modo a atingir e colaborar com o maior número possível de candidatos.

Este é o segundo evento voltado a preparação para concursos, desenvolvido pela Polícia Civil em Barra do Garças. O primeiro foi realizado em 2019, quando com foco no concurso da Polícia Penal de Goiás.

Conteúdo

Com diversas aulas durante o dia, o conteúdo é direcionado às carreiras policiais, tendo como disciplinas, Direito Constitucional, Penal, Processual, Atualização Legislativa e Jurisprudência, Processo Penal, Legislação e Direito Penal Especial, Direito Constitucional e Administrativo, História de Mato Grosso, Estatuto da Polícia Civil do estado e Orientações para o TAF (teste de aptidão física), entre os temas abordados no aulão.

Leia Também:  PM já resgatou 291 animais silvestres em Cuiabá e VG

Para a ministrar o conteúdo, foram convidados delegados, investigadores e escrivães da Polícia Judiciária Civil, delegado da Polícia Federal, Procurador Público Federal, Analista Judiciário e Educador Físico, que voluntariamente abordarão conteúdos voltados às suas áreas de atuação.

Local e prevenção

O evento, inicialmente marcado para acontecer no anfiteatro Fernando Peres de Farias, sofreu alteração no local de realização, em razão do decreto editado pela Prefeitura Municipal, que limita em 60% a utilização da capacidade de locais para eventos na cidade, como medida de prevenção à Covid-19.

Com capacidade para 200 pessoas e obedecendo o percentual estipulado no decreto, o anfiteatro não comportaria o número de inscritos para o evento solidário, sendo necessário a mudança para a sede da igreja Assembleia de Deus Madureira, na rua Pires de Campos.

Além da limitação do número de participantes presenciais, medidas de prevenção como distanciamento seguro, uso de álcool em gel, máscara e higienização das mãos serão aplicadas no local.

Fonte: Folha Max

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Três envolvidos em roubo a banco em Ribeirão Cascalheira tem mandados cumpridos em MT e Goiás

Publicados

em


A Polícia Civil de Mato Grosso prendeu nesta quarta-feira (25.05) três investigados por um roubo a banco ocorrido no município de Ribeirão Cascalheira, no ano passado. Os dois adultos e um adolescente tiveram os mandados de prisão preventiva e de apreensão cumpridos pelas equipes da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO).

Um foi localizado na cidade de Mineiros, no sudoeste de Goiás e outros dois presos em Primavera do Leste. Os mandados de prisão e de apreensão foram decretados pelo juízo da Vara Única de Ribeirão Cascalheira.

A investigação conduzida pela GCCO identificou os dois responsáveis diretos pela execução do roubo, ocorrido na manhã de 16 de dezembro do ano passado. Os autores entraram armados na agência do Banco Bradesco, renderam funcionários e clientes sob violência e grave ameaça e fugiram levando dinheiro.

Uma equipe da GCCO se dirigiu ao município e realizou uma série de diligências investigativas para esclarecer a dinâmica do crime e identificar os autores.

Conforme a apuração, os criminosos utilizaram lentes de contato colorida, máscaras e outras vestimentas para dificultar o reconhecimento. Mesmo com a estratégia usada, os policiais civis conseguiram identifica-los, sendo um adulto de 29 anos e o adolescente,que à época tinha 17 anos. O terceiro envolvido, de 32 anos, foi responsável por guardar parte do dinheiro subtraído.

Leia Também:  Dois autores do homicídio de mulher em Juara são presos em flagrante pela Polícia Civil

A prisão realizada em Goiás contou com apoio da Companhia de Policiamento Especializado da PM do município de Mineiros.

“Necessário ressaltar que o crime chocou a população da cidade, pois os autores aterrorizaram os funcionários e clientes durante a execução do roubo, com grave ameaça, agressões físicas e restrição da liberdade das vítimas”, destacou o delegado Vitor Hugo Bruzulato Teixeira.

A GCCO apurou que os três possuem antecedentes criminais que demonstram um vínculo anterior e entre eles para cometimento de delitos patrimoniais.

As investigações contaram com apoio das Delegacias de Ribeirão Cascalheira e de Querência e da Delegacia Regional de Primavera do Leste.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA