POLICIAL

Policiais que atuam na região de fronteira realizam treinamento de ações de Segurança

Publicados

em


Assessoria | Polícia Civil-MT

Quinze policiais civis atuantes na região de fronteira, entre investigadores e escrivães de polícia, participaram entre os dias 2 e 4 de fevereiro, de capacitação realizada pela Gerência de Operações Especiais (GOE), com objetivo de atualizar e reciclar os conhecimentos para operarem com segurança. 

O curso com total de 40 horas/aulas, foi ministrado para servidores lotados nas Delegacias de Polícia dos municípios de Comodoro (644 km a oeste de Cuiabá) e Campos de Júlio (553 km a noroeste da Capital), que foram divididos em duas turmas com 20 horas/aula cada.

Durante os quatro dias de curso com aulas teóricas e práticas, foram realizados treinamentos para pistola de calibre .40 e submetralhadora .40 . Oito investigadores que trabalham diretamente nas ruas também foram habilitados para a utilização de carabina calibre 556 (armamento tipo fuzil). 

Para a realização do curso, as munições foram disponibilizadas por outro órgão da Segurança Pública e diante dessa colaboração foi solicitado por meio de ofício à Gerência de Operações Especiais, para que promovesse a capacitação aos policiais civis, objetivando a reciclagem e o aperfeiçoamento.

Leia Também:  Polícia Civil recebe laudo de necropsia do corpo de adolescente

Além dos treinamentos para melhorar as técnicas de uso e manuseio dos armamentos, como pistola, submetralhadora e carabinas (adquiridas recentemente através de parceria com o Sistema Penitenciário Federal), foi solicitado a GOE a realização de um módulo específico com  relação a cumprimento de prisões e cumprimento de buscas com entradas nas residências, em razão dos trabalhos das delegacias terem aumentados e estarem mais intensos.

As aulas teóricas aconteceram em sala de ensino nas dependências da Universidade do Estado de Mato Grosso (Unemat). A parte das entradas em domicílios foi realizada em um conjunto de casas habitacionais que ainda não foram concluídas, após autorização da Prefeitura Municipal de Comodoro para a utilização.

O treinamento de disparos de armas de fogo aconteceu em uma propriedade rural onde a uma cascalheira com barrancos bem altos e ideal para esse tipo de prática, cedida por um particular.

O delegado de Comodoro, Ricardo Marques Sarto, agradeceu a equipe da GOE pelo curso ministrado sob a coordenação do investigador de polícia Fausto, que forma brilhante não mediram esforços para levar mais conhecimentos aos servidores da região.

Leia Também:  Dois autores de um homicídio com ocultação de cadáver são presos pela Polícia Civil

“É muito importante a realização desses tipos de cursos, que deveriam acontecer com frequência, para que nossos profissionais tenham cada vez mais instruções para exercerem suas funções de forma segura e qualificada”, destacou.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

POLICIAL

Suspeito de estuprar e agredir vítima por mais de 10 horas é preso em flagrante pela Polícia Civil em Sorriso

Publicados

em


Assessoria/Polícia Civil-MT

A Polícia Civil de Sorriso (442 km ao norte de Cuiabá) prendeu em flagrante neste sábado (17.04), um homem apontado como autor de crime de estupro e cárcere privado ocorrido durante a madrugada no município. O suspeito, de 21 anos, é vizinho da vítima e a manteve refém por quase 12 horas enquanto praticava os abusos e agressões.

As diligências iniciaram após a vítima, de 25 anos, comparecer à Delegacia de Sorriso, visivelmente abalada e com vários hematomas pelo corpo para comunicar o crime. A comunicação ocorreu logo após ser libertada pelo agressor. Segundo as informações, o suspeito pulou o muro da sua casa por volta de meia noite e meia,  e em posse de uma faca a ameaçou, agrediu fisicamente e obrigou a vítima a manter relações sexuais no período em que permaneceu dentro da residência.

Além do abuso sexual, a vítima foi agredida com socos, tapas e mordidas, a todo tempo sendo ameaçada com a faca. O suspeito ainda filmou a vítima e disse que publicaria os vídeos nas redes sociais, caso fosse denunciado.

Leia Também:  Polícia Civil investiga mulher que se passava por médica em hospitais da Capital

O suspeito manteve a vítima em cárcere até 11 horas deste sábado (17), momento em que ela conseguiu convencê-lo de que não iria o denunciar e que deveria liberá-la.

 Assim que foi acionada dos fatos, a equipe da Delegacia de Sorriso, coordenada pelo delegado José Getúlio Daniel iniciou as diligências em buscas do suspeito, conseguindo realizar sua prisão em flagrante.  O suspeito foi flagrando com a motocicleta da vítima no estacionamento de um supermercado da cidade.

Ele foi conduzido à Delegacia de sorriso e após ser interrogado foi autuado em flagrante pelo crime de estupro.

Fonte: PJC MT

COMENTE ABAIXO:
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA