TRIBUNAL DE JUSTIÇA MT

Juízes participam do Encontro Estadual de Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes

Publicados

em


O 1º Encontro Estadual de Enfrentamento à Violência contra Crianças e Adolescentes terá a participação de magistrados do Poder Judiciário de Mato Grosso. O evento será realizado nos dias 26 e 27 de maio, no Auditório da Sede das Promotorias de Justiça da Capital, e reúne vários entes públicos envolvidos na defesa de crianças e adolescentes, como Ministério Público, Governo do Estado, Polícia Civil, Polícia Militar, entre outros.
 
O juiz titular da 2ª Vara Especializada da Infância e Juventude de Cuiabá, Túlio Duailibi Alves Souza, será um dos palestrantes do dia 27 no Painel 1: Enfrentamento ao abuso, exploração sexual e demais violências contra crianças e adolescentes (no pós-pandemia) – Reflexão sobre as práticas de proteção. A programação começa às 8h com a apresentação teatral da peça “Inocentes Pétalas Roubadas”, pela Cia Vostraz de Teatro, e o painel tem início às 8h30.
 
Além do magistrado, também participam do encontro a coordenadora da Polícia Comunitária e Direitos Humanos da PM, tenente coronel Emirella P. S. Martins; a delegada titular da Delegacia da Mulher de Cáceres, Judá Maali P. Marcondes; a promotora de Justiça da 1ª Promotoria de Justiça de Nova Mutum, Ana Carolina Alves Fernandes de Oliveira, e o secretário estadual de Educação, Allan Resende Porto.
 
À tarde, a juíza Maria das Graças Gomes da Costa, titular da Vara da Infância e Juventude de Rondonópolis será uma das palestrantes do Painel 2: Mediação de conflitos e Rede de Proteção, a partir das 14h. Também palestram o subcomandante da 1ª Cia PM em Rondonópolis, tenente Felipe Nunes Cordeiro, o delegado titular da Delegacia de Polícia de Defesa dos Direitos da Criança e do Adolescente de Cuiabá, Clayton Queiroz Moura, a professora da rede estadual lotada no Núcleo de Mediação Escolar da Seduc, Patrícia Simone da S. Carvalho, e o promotor de Justiça coordenador do CAO Educação, Miguel Slhessarenko Júnior.
 
A abertura do evento acontece no dia 26, às 18h, com o credenciamento dos participantes. Às 20h será realizada a palestra magna “Repensando as práticas de atuação institucional na defesa dos direitos da população infanto-juvenil”, proferida pelo procurador de Justiça titular da Procuradoria Especializada da Criança e do Adolescente, Paulo Roberto Jorge do Prado.
 
Os debates do encontro serão mediados pelo procurador Paulo Prado no período da manhã de sexta-feira (27) e à tarde pelo secretário Allan Porto.
 
Às 17h45 está programada a leitura da Carta de Intenções em defesa da criança e do adolescente e às 18h35 a apresentação do Projeto Luz – um relato da primeira rede de proteção integrada que aplicou a Lei 13.431/2017 e o depoimento especial judicial na comarca de Nova Mutum.
 
Esta matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência visual.
Descrição de imagem: Banner de arte gráfica do evento. Desenho de quatro crianças pulando com os braços abertos e sorrindo em um gramado verde com nuvens brancas, céu azul e sol amarelo. Ao centro há uma flor com pétalas amarelas e abaixo está escrito “1º encontro estadual enfrentamento à violência contra crianças e adolescentes”.
 
Mylena Petrucelli
Coordenadoria de Comunicação da Presidência do TJMT
 
 
 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Verifique os pontos abertos da semana de 16 a 21 de maio para vacinação contra covid-19 em Várzea Grande
Propaganda

TRIBUNAL DE JUSTIÇA MT

Poder Judiciário apoia o 1º Arraiá do Serviço do Acolhimento de Alto Taquari

Publicados

em


As crianças e adolescentes que se encontram no Serviço do Acolhimento de Alto Taquari (a 479 km ao sul de Cuiabá) terão um dia pra lá de especial com direito a brincadeiras, quadrilha, comidas típicas e muita animação no 1º Arraiá do Serviço do Acolhimento de Alto Taquari. O Poder Judiciário é um dos apoiadores da festa, que acontece neste sábado (25.06), às 16h, no bairro Gabriela, e irá reunir aproximadamente 100 pessoas entre crianças, adolescentes, colaboradores do Serviço de Acolhimento, Fórum da cidade, Assistência Social e seus familiares.
 
Segundo a Juíza da Vara Única de Alto Taquari, Marina Dantas Pereira, a ideia da festa junina partiu de uma assessora dela como uma oportunidade de confraternização com as oito crianças e adolescentes que estão no Serviço de Acolhimento.
 
“A Grazi trouxe a ideia de fazer a festa junina e todo mundo adorou, principalmente as crianças e adolescentes. Inicialmente era para ser algo mais simples, mas a gente foi conseguindo doações, parcerias e agora vamos fechar a rua em frente ao Lar para realizar o arraiá”, conta.
 
A supervisora do Serviço de Acolhimento a Criança e Adolescente, Lesley Any Batista Ferreira, detalha que uma parte da comida virá da Prefeitura Municipal, outra dos participantes, além de algumas doações. “A comunidade em geral está envolvida, comerciantes, advogados, Ministério Público, doaram dinheiro, brinquedos, comida para que seja um dia especial. A tenda, mesas e cadeiras virão do Grupo Conviver e o som um servidor do Fórum levará”.
 
No cardápio do Arraiá muitas comidas típicas como cachorro quente, cri cri, canjica, pipoca, caldo de costela, bolo de milho, algodão doce e refrigerantes. Além de brincadeiras como pescaria gratuita, dinâmicas, quadrilha e música. “Essa a primeira vez que vamos realizar uma festa desse tamanho, as crianças e adolescentes estão bastante empolgadas. Elas estão ajudando a fazer a decoração e ainda poderão convidar dois amigos para participar. Muitos não veem a hora de começar. Será uma festa familiar, sem bebida alcoólica, mas com muita diversão”, ressalta.
 
#Paratodosverem Esta matéria possui recursos de texto alternativo para promover a inclusão das pessoas com deficiência visual. Descrição de imagem: arte colorida retratando o convite, com símbolos juninos como milho, balão de São João, fogueira e bandeirinhas.
 
 
Larissa Klein
Assessoria de Imprensa CGJ
 
 

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícias Civis de MT e GO cumprem cinco mandados de prisão contra líder de facção criminosa que atuava em Primavera do Leste
Continue lendo

política mt

mato grosso

policial

ENTRETENIMENTO

MAIS LIDAS DA SEMANA